ANUNCIE AQUI 01

ENTRE EM CONTATO COM A EQUIPE DO BLOG PELA A PAGINA CONTATO E ANUNCIE EM NOSSO SITE!

ANUNCIE AQUI 02

ENTRE EM CONTATO COM A EQUIPE DO BLOG PELA A PAGINA CONTATO E ANUNCIE EM NOSSO SITE!

ANUNCIE AQUI 03

ENTRE EM CONTATO COM A EQUIPE DO BLOG PELA A PAGINA CONTATO E ANUNCIE EM NOSSO SITE!

ANUNCIE AQUI 04

ENTRE EM CONTATO COM A EQUIPE DO BLOG PELA A PAGINA CONTATO E ANUNCIE EM NOSSO SITE!

ANUNCIE AQUI 05

ENTRE EM CONTATO COM A EQUIPE DO BLOG PELA A PAGINA CONTATO E ANUNCIE EM NOSSO SITE!

Análise: Os destaques de cada candidato nos dois debates para Governador

Na mesma semana em que teve início o horário eleitoral no rádio e na televisão, foram também realizados os dois primeiros debates. Este blog acompanhou ambos e depois de algum tempo, traz uma análise crítica a respeito dos principais pontos de cada um deles.
debate tv guaraO primeiro ponto a ser levado em consideração é o destempero do candidato Edinho Lobão. Que saiu esbravejando da TV Guará após seu pedido de direito de resposta não ter sido aceito. Edinho foi responsável por um tremendo papelão nos estúdios da Guará. Pior ainda foi ter ignorado o debate realizado pela Igreja Católica. Mostrando além de falta de respeito com a instituição, que não é muito afeito ao “povo”. Só fala pela TV, pois não enfrenta o tete-a-tete.
Mas a ausência de Edinho teve um ponto positivo. Diferente do festival de agressões promovido na TV Guará, o debate na sede da OAB promovida por entidades católicas foi marcado pela apresentação de propostas de 4 candidatos. Flávio Dino, Antonio Pedrosa, Saulo Arcangeli e Josivaldo Correa.
Os quatro candidatos levaram suas ideias e houve muitos momentos de clara diferença entre as propostas dos esquerdistas, que fizeram críticas entre si. Mas o tom jocoso imposto pelo candidato do PMDB, que vem promovendo um festival de baixarias na campanha, ficou de fora. Ponto pra Igreja Católica!
Já Flávio Dino, mesmo diante dos ataques de Edinho, mostrou-se por cima da situação. A sua primeira pergunta direcionada a Edinho Lobão foi programática. Queria saber de Edinho o que ele acha do baixo desempenho do Maranhão no IDH e no Ranking de Gestão Pública, ambos atestados internacionalmente. Edinho não soube responder e disse que não é “Um candidato enciclopédico”.
Totalmente diferente do candidato do PMDB, Flávio mostrou que está preparado para ser governador, aproveitou também para falar sobre o Programa de Governo e já deixou as principais marcas do que pretende fazer caso se eleja. Disse que os seus secretários terão que conhecer o Estado, e não ficar encastelados em gabinetes. Uma crítica direta ao modo Sarney de governar.
Antonio Pedrosa teve um bom desempenho, mas longe de ser o destaque que os blogs do grupo Sarney têm dado a ele. Numa posição confortável de quem só atira pedras, aproveitou que não foi atacado por Edinho ou pelos demais candidatos para também falar de propostas. Mas por ter um linguajar muito distante do povo, acabou tendo menos destaque.
Outro ponto forte foi a denúncia de “estelionato eleitoral da Refinaria de Lobão” feita por Saulo Arcangeli. A promessa vem de Roseana e Edinho quer herdar, porém o ultra-esquerdista foi direto ao ponto e incomodou Edinho Lobão. Candidato do PCB, Josivaldo Correa se destacou pela dificuldade em apresentar propostas. Teve um desempenho muito distante dos demais ultra-esquerdistas.
O papelão ficou para Zé Luís Lago, o candidato laranja de Edinho Lobão que vem desonrando a memória de Jackson Lago. Serviu apenas para escadinha para Edinho Lobão fazer mea-culpa e atacar Flávio Dino.
Esse é o resumo do que vem sendo os debates. O resto é história pra boi dormir.

Do: http://marrapa.com/

CARAVANA DA MULHER COM PAULINHA LOBÃO PERCORRE O INTERIOR MARANHENSE



A apresentadora Paulinha Lobão, esposa do candidato ao governo do Estado, Lobão Filho (PMDB), participou, no dia 20 de agosto de 2014, de extensa programação em Bacabal com a Caravana da Mulher. O evento é continuidade de uma série de ações idealizadas e lideradas pela apresentadora para alavancar a campanha de Lobão Filho com a ajuda das mulheres maranhenses.

Pela manhã, Paulinha visitou lideranças religiosas em Bacabal-MA e, em seguida, promoveu o Encontro com as Mulheres, ocasião em que reuniu lideranças políticas e comunitárias do município para discutir políticas públicas voltadas para o gênero e para apresentar as propostas do candidato peemedebista. E o encontro foi no Clube Vanguard, a tarde.

E na ultima segunda-feira dia 18 de agosto de 2014, Paulinha Lobão esteve em Presidente Dutra, onde recebeu a companhia e apoio do prefeito Juran Carvalho (PV) e da ex-prefeita Irene Soares, que participaram juntos da Caminhada das Mulheres e da inauguração do comitê regional de Lobão Filho.

Durante inauguração do comitê, a esposa do candidato recebeu o apoio de diversas lideranças. Em discurso, a líder política de Tuntum, Isabel Azevedo (PP), avaliou positivamente a iniciativa de Paulinha Lobão. “Ela é uma mulher de fibra, uma mulher de garra, determinada. E nós, mulheres do Maranhão, mulheres de Tuntum, nos sentimos fortes sabendo que o nosso futuro governador tem uma mulher forte ao seu lado”, declarou.

Rebelde Solitário
Eleições 2014
Edmilson Moura.

“Será a desgraça, a treva, o fim do mundo”, diz Murad sobre possível vitória de Dino


andrea4
Ricardo Murad: baixaria e terrorismo eleitoral.
O blog divulga com exclusividade os piores momentos do comício promovido pelo secretário de Saúde do Maranhão, Ricardo Murad (PMDB), no último fim de semana.
No ato de campanha, ao lado da filha, Andréa Murad (PMDB), do candidato a governador Edinho Lobão (PMDB), do candidato a senador Gastão Vieira (PMDB), do deputado federal Sarney Filho (PV) e de diversas lideranças políticas ligadas ao Palácio dos Leões, o cunhado da governadora Roseana Sarney (PMDB) admite a possibilidade de vitória do oposicionista Flávio Dino (PCdoB), que lidera em todas as pesquisas sérias de intenções de votos para a sucessão estadual.
Ricardo afirma que deixará a política com medo de ser derrotado, mas não sem antes fazer terrorismo eleitoral e disparar impropérios contra o adversário político.
“Estou olhando nos olhos de todos. Eu não quero imaginar a nossa vida sem o governo. Eu não quero imaginar Coroatá com esse maluco no governo”, diz Murad, acuado com a vantagem do ex-presidente da Embratur.
E ele continua, dissimuladamente: “Será a desgraça, a treva, o fim do mundo. Quero dizer pra vocês que um desastre é eleger Flávio Dino, e o Ricardo Murad está fora da política”.
Com a cumplicidade de Edinho Lobão, que já até foi condenado a pagar multa por espalhar o boato que a oposição ao PT nacional pretende acabar com o Bolsa Família, Murad acusa criminosamente o adversário de ameaçar fechar todos os hospitais do estado.
“O Flávio Dino diz que vai fechar hospital. Vai fechar macrorregional. Vai fechar UPA. Não vai fazer o centro de hemodiálise, de reabilitação… Não vai botar a cirurgia cardíaca e hemodinâmica”, insinua o secretário.
Ao final, em um raro momento de sinceridade, Ricardo Murad acusa o golpe, revelando o motivo para tanto desespero: “Gente, eu não posso deixar de ser governo. A prefeitura não pode deixar de ter Lobão Filho para suceder Roseana. Porque nós vamos pro buraco, pro escuro… Tudo o que nós fizemos vai acabar”.
Veja trechos desse festival de baixarias no vídeo abaixo:

Do: http://marrapa.com/

Dilma tem 36%, Marina, 21%, e Aécio, 20%, diz pesquisa Datafolha

Pesquisa é 1ª com Marina em cenário como possível substituta de Campos. No levantamento anterior, Dilma tinha 36%, Aécio, 20%, e Campos, 8%.

Essa foi a pesquisa feita pelo Datafolha para o jornal "Folha de S.Paulo" divulgada na edição desta segunda-feira dia 18 de agosto de 2014, mostra Dilma Rousseff (PT) com 36% das intenções de voto para presidente, seguida de Marina Silva (PSB), com 21%, e Aécio Neves (PSDB), com 20%.

É a primeira pesquisa que inclui um cenário em que a ex-senadora Marina Silva é o possível nome do PSB no lugar do ex-governador Eduardo Campos, que morreu na quarta-feira (13), em um acidente de avião. O PSB ainda não definiu se Marina será a candidata substituta, mas lideranças dão a escolha como certa.

No levantamento anterior do Datafolha, realizado nos dias 15 e 16 de julho e divulgado no dia 17, Dilma tinha 36%, Aécio, 20%, e Eduardo Campos, 8%.

O percentual de entrevistados que disseram não saber em quem votar ou que não responderam foi de 14% em julho e agora atingiu 9%. Brancos e nulos eram 13%; agora são 8%. O quarto colocado na pesquisa, pastor Everaldo (PSC), aparece com 3% das intenções de voto; no levantamento anterior, tinha os mesmos 3%.

A pesquisa mostra que, se a eleição fosse hoje, haveria segundo turno: Dilma teria 36% contra 46% da soma dos demais candidatos. Na pesquisa anterior, Dilma tinha 36% contra 36% dos demais, o que indicava uma incerteza sobre a necessidade de segundo turno.

O resultado da atual pesquisa mostra que, se for confirmada candidata do PSB no lugar de Campos, Marina começa a campanha em situação de empate técnico com Aécio Neves, numericamente à frente do tucano: 21% a 20%, dentro da margem de erro, de dois pontos percentuais.

Marina larga também em situação de empate técnico com Dilma na simulação de segundo turno: Marina com 47% e Dilma com 43%. O Datafolha não pesquisou um cenário entre Marina e Aécio. No cenário entre Dilma e Aécio, a petista tem 47%, e o tucano, 39%.

O levantamento foi encomendado pelo jornal “Folha de S.Paulo”. O Datafolha ouviu 2.843 eleitores em 176 municípios nos dias 14 e 15 de agosto. A margem de erro é de 2 pontos percentuais, para mais ou para menos. O nível de confiança é de 95%. Isso significa que, se forem realizados 100 levantamentos, em 95 deles os resultados estariam dentro da margem de erro de dois pontos prevista.

A pesquisa está registrada no Tribunal Superior Eleitoral (TSE) sob o número BR-00386/2014.

Veja os números do Datafolha para a pesquisa estimulada (em que a relação dos candidatos é apresentada ao entrevistado):

- Dilma Rousseff (PT): 36%
- Marina Silva (PSB): 21%
- Aécio Neves (PSDB): 20%
- Pastor Everaldo (PSC): 3%
- José Maria (PSTU): 1%
- Eduardo Jorge (PV): 1%
- Luciana Genro (PSOL): 0%
- Rui Costa Pimenta (PCO): 0%
- Eymael (PSDC): 0%
- Levy Fidelix (PRTB): 0%
- Mauro Iasi (PCB): 0%
- Brancos/nulos/nenhum: 8%
- Não sabe: 9%

Segundo turno
Nas simulações de segundo turno, o Datafolha avaliou os seguintes cenários:

- Marina Silva: 47%
- Dilma Rousseff: 43%
- Brancos/nulos/nenhum: 6%
- Não sabe: 4%


- Dilma Rousseff: 47%
- Aécio Neves: 39%
- Brancos/nulos/nenhum: 9%
- Não sabe: 5%

O Datafolha não realizou a simulação de uma disputa entre Aécio Neves e Marina Silva.

Rejeição
A presidente Dilma tem a maior taxa de rejeição (percentual dos que disseram que não votam em um candidato de jeito nenhum). Confira abaixo:

- Dilma Roussef: 34%
- Aécio Neves: 18%
- Pastor Everaldo: 17%
- Zé Maria: 16%
- Eymael e Levy Fidelix e Rui Costa: 13%
- Marina Silva, Luciana Genro e Mauro Iasi: 11%
- Eduardo Jorge: 10%

Avaliação da presidente
A pesquisa mostra que a administração da presidente Dilma tem a aprovação de 38% dos eleitores – no levantamento anterior, divulgado em 17 de julho, o índice era de 32%. O percentual de aprovação considera os entrevistados que avaliaram o governo como "bom" ou "ótimo". A pesquisa mostra ainda que o índice dos que desaprovam a gestão, ou seja, consideraram o governo "ruim" ou "péssimo", foi de 23% (era 29%). Dos ouvidos, 38% consideram o governo como "regular" (mesmo percentual anterior).

O resultado da pesquisa de avaliação do governo Dilma foi o seguinte:
- Ótimo/bom: 38%
- Regular: 38%
- Ruim/péssimo: 23%
- Não sabe: 1%
Do G1, em São Paulo.

Rebelde Solitário
Eleições 2014
Edmilson Moura.

Junto com marqueteiros, Edinho Lobão se descontrola e dá piti na TV Guará



edinho-loucao
Seria trágica, se não fosse cômica, a presença de Edinho Lobão nos estúdios da TV Guará. Pior ainda foi a sua saída – recheada por pitis do candidato e assessoria. Aos berros, Edinho exigia voltar ao assunto “estelionato eleitoral” – que lhe causou brios durante todo o debate da TV Guará.
Foi de espantar o descontrole emocional de Edinho Lobão durante o debate, principalmente nos intervalos. Jornalistas e assessores que acompanharam o desenrolar do debate dentro dos estúdios relataram a postura infantil de Edinho e seus assessores.
Motivo? Não conseguir se justificar sobre o “estelionato eleitoral” que ele, Roseana e o pai Lobão foram responsáveis no Maranhão. Já tendo exercido direito de resposta anteriormente, Edinho queria uma segunda chance para explicar aos telespectadores sua versão para os R$ 2 bilhões transformados em nada.
Enquadrado pelo candidato do PSTU, Saulo Arcangeli, Edinho não conseguiu responder sobre o caso e quis uma segunda chance, após o ultra-esquerdista retomar o assunto. No entendimento da emissora, já tendo exercido seu direito, Edinho não teria mais que tocar no assunto.
Contrariado, Edinho esbravejou ao vivo e sua assessoria foi repreendida pelo mediador – que marcou o debate por sua efusividade, principalmente na frase “tempo candidato!”
Foi o estopim para que Edinho começasse a espernear e acusar a emissora de ser “anti-democrática”. Totalmente destemperado, Edinho ouviu do advogado da empresa: “Você está aqui para obedecer regras, não para ditar regras”.
Inconformados, Elsinho Mouco e Antonio Melo – dupla de marqueteiros de Edinho Lobão partiram pra cima de um dos dirigentes do PSTU, Noleto (que já foi candidato a prefeito de São Luís). Ao pedir calma aos marqueteiros, recebeu um grito: “Não toque mais em mim”, por um dos marqueteiros da campanha arrogante de Edinho Lobão.
Quem também sofreu foi a equipe técnica da TV Guará que teve que aturar os ataques de Edinho Lobão dentro do estúdio.

Do: http://marrapa.com/

Imagens do dia



Vejam a folga do dono dessa vazante, vazante significa plantação na beira d’água que é o caso dessa que estamos vendo nas imagens  fica na beira do rio. Entretanto esse cidadão decidiu aguar sua plantação com água capitada e tratada pela CAEMA, e melhor ainda, sem pagar nada. Enquanto ele está aguando sua vazante, tem muitas casas na parte alta da cidade sem uma gota d’água.      


Marina ultrapassa Aécio e vence Dilma no 2º turno


Marina-SilvaA ex-senadora Marina Silva apareceu em empate técnico na corrida presidencial com Aécio Neves (PSDB) no primeiro turno e com Dilma Rousseff (PT) no segundo turno, nas duas situações à frente dos adversários dentro da margem de erro, mostrou a primeira pesquisa eleitoral após a trágica morte do candidato Eduardo Campos (PSB).
Segundo o Datafolha, Marina, que deve ser confirmada candidata do PSB à Presidência d
a República nesta semana, aparece na disputa com 21 por cento das intenções de voto, acima dos 20 por cento de Aécio e atrás de Dilma, com 36 por cento.
Já na simulação de segundo turno, Marina fica numericamente à frente de Dilma, com 47 por cento das intenções de voto contra 43 por cento da presidente que busca a reeleição.
No primeiro turno contra Aécio e no segundo contra Dilma, trata-se de uma situação de empate técnico, já que a margem de erro da pesquisa é de dois pontos percentuais para mais ou para menos.
De acordo com o Datafolha, em um segundo turno entre Dilma e Aécio, a presidente venceria por 47 por cento a 39 por cento, o que representa uma vantagem da petista sobre a sondagem anterior em julho, que mostrava 44 por cento a 40 por cento, com empate técnico naquela ocasião dentro da margem de erro.
Os números do Datafolha afastam a hipótese de conclusão da eleição presidencial no primeiro turno, porque Marina tem quase três vezes as intenções de voto de Campos, que aparecia com 8 por cento, com a ex-senadora atraindo eleitores que antes se diziam sem candidato.
O presidenciável do PSB morreu na última quarta-feira, dia 13, em um acidente de avião no litoral de São Paulo. A morte repentina de Campos colocou Marina, sua vice na chapa, como nome natural a assumir a candidatura pelo PSB.
A entrada da ex-senadora na corrida presidencial não tira votos dos dois principais adversários: Dilma aparecia com os mesmos 36 por cento e Aécio com 20 por cento na pesquisa anterior feita pelo Datafolha.
As intenções de voto nulo ou em branco caíram de 13 por cento na pesquisa anterior para 8 por cento, enquanto os indecisos recuaram de 14 por cento para 9 por cento agora, disse o Datafolha.
O Datafolha ouviu 2.843 eleitores em 176 municípios em 14 e 15 de agosto. Números da pesquisa foram disponibilizados em reportagem no site do jornal Folha de S. Paulo na madrugada desta segunda-feira.

Do: http://marrapa.com/

VAI COMEÇAR O HORÁRIO ELEITORAL GRATUITO

A propaganda eleitoral no rádio e na televisão em 2014 será rigorosamente fiscalizada. O alerta foi dado pelo desembargador Raimundo Barros, presidente da Comissão de Juízes Eleitorais do Tribunal Regional Eleitoral do Maranhão, que esteve reunido com representantes de partidos políticos e advogados na TV Mirante.
“Estamos envidando todos os esforços para garantir que não haja reclamação quanto à veiculação dos programas e das inserções no rádio e na televisão a partir do dia 19 de agosto, quando começa o horário eleitoral gratuito”, explicou Barros, antes de destacar o rigor com que este processo será fiscalizado.
Para Barros, a rigorosidade se dará em razão do interesse do TRE-MA para que o recebimento das mídias e a consequente exibição delas ocorram com transparência, segurança, tranquilidade e atendendo os requisitos previstos na lei.
Ele lembrou ainda que as emissoras, por lei, são desobrigadas de receber qualquer material fora do horário acordado. Como forma de colaborar com este trabalho, o magistrado entregou recomendações impressas aos presentes, que serão repassadas também por e-mail.
Em 30 de julho, a Mirante foi escolhida como geradora da propaganda na televisão e a Timbira para o rádio. No entanto, por falta de estrutura técnica, a Timbira foi substituída pela rádio São Luís.
Em nome da TV Mirante, o diretor Rômulo Barbosa (Mídias Eletrônicas) ressaltou o compromisso da emissora em fazer sua parte, prevenindo para que não existam reclamações nem representações contra ela. “Por consenso formos escolhidos para atuar como geradora do sinal e nosso propósito é colaborar com a Justiça Eleitoral, sem nos prejudicar”, observou.
Como previsto na Resolução 23.404 do Tribunal Superior Eleitoral, a mídia na televisão e no rádio deve atender as condições técnicas das emissoras escolhidas. Na Mirante, o material deve ser entregue em xdcam (que tem qualidade blu-ray), acompanhado do plano de mídia. Na rádio São Luís, são aceitos os formatos mp3, wave, wma e mp4, entregues em CD ou DVD, em horário comercial.
Pela rádio São Luís falou Augusto Júnior. Ele indicou que a rádio possui três plataformas: a AM (sintonia 1.340), a FM (sintonia 102.5) e o endereço eletrônico www.jovempansaoluis.net.

HORÁRIOS DAS INSERCÕES.

Na reunião ficou acertado que os mapas de mídia e as mídias têm que ser entregues na Mirante de segunda a quinta até as 20h do dia anterior à exibição das inserções. Para o fim de semana, vale o horário de 18h da sexta-feira, valendo para o 1º e 2º turno, se este último houver.

Edmilson Moura.

Exata: Flávio Dino tem 56%, Edinho Lobão 26%

Instituto aponta que a rejeição a Edinho Lobão é de 39% e Flávio Dino, 16%.
flavio-dino1-450x299
Pesquisa Exata aponta Flávio Dino com 30 pontos de vantagem sobre Edinho Lobão.
Flávio Dino (PCdoB) permanece com larga vantagem nas eleições para o Governo do Estado de 2014, aponta pesquisa Exata / TV Guará. Com 56% das intenções de voto, o candidato da oposição lidera a disputa, vindo em segundo lugar o candidato Edinho Lobão (PMDB), com 26% das intenções de voto. Pesquisa também mostrou rejeição dos candidatos.
A pesquisa Exata / TV Guará apontou que outros três candidatos tiveram desempenho de 1% no eleitorado: Zé Luís Lago (PPL), Antonio Pedrosa (PSOL) e Saulo Arcângeli (PSTU). Josivaldo Correa, do PCB, não pontou. Brancos e nulos somam 8% dos entrevistados e não sabem ou não responderam, 7%.
A diferença do candidato Flávio Dino para o segundo colocado no fim de semana antes do início da propaganda eleitoral de Rádio e Televisão é de 30 pontos percentuais a mais que o segundo colocado, Edinho Lobão, apoiado pelo grupo Sarney. O histórico da pesquisa Exata mostra que aumentou.
Pesquisa_Exata
Esta é a terceira pesquisa do Instituto Exara em parceria com a TV Guará. Em julho, o instituto aferiu que Flávio Dino possuía à época 54% das intenções de voto contra 25% de Edinho Lobão. A comparação mostra crescimento de 2 pontos de Flávio Dino e 1 ponto de Edinho Lobão.
O instituto Exata avaliou ainda a rejeição dos candidatos a governador. Quando perguntados “em quem não votaria de jeito nenhum,” 39% dos entrevistados disseram rejeitar Edinho Lobão. Em segundo lugar neste quesito está Zé Luís Lago com 21%.
Com 18% de rejeição aparece Josivaldo Correa e, em quarto, Flávio Dino com 16% de rejeição. Seguido de Saulo Arcangeli e Antonio Pedrosa, ambos com 14%. Dentre os entrevistados, 12% disseram que poderiam votar em todos e 8% afirmaram que não votariam em nenhum deles.
A pesquisa foi registrada no Tribunal Regional Eleitoral registrada sob o protocolo 035/2014. Foram ouvidas 1400 pessoas em 45 municípios em todas as regiões do Maranhão. A margem de erro da pesquisa é de 2,3 pontos percentuais para mais ou para menos.

Do: http://marrapa.com/

Sobre a Tim em São Luis Gonzaga












LULA E DILMA VIRÃO MESMO AO MARANHÃO

O ex-presidente Lula e a presidente Dilma Rousseff, ambos do PT, confirmaram que virão mesmo ao Maranhão, durante a campanha eleitoral, para declararem apoio à candidatura do senador Lobão Filho (PMDB), ao Governo do Maranhão.

Lula já confirmou que estará no Maranhão, inclusive visitando três cidades, muito provavelmente, São Luís, Imperatriz e Bacabal-MA, onde o ex-presidente estará em campanha para a reeleição da presidente Dilma e eleições de Lobão Filho e do deputado federal Gastão Vieira (PMDB), candidato ao Senado.

Já a presidente Dilma Rousseff já havia dito ao próprio ministro Edson Lobão e ao candidato Lobão Filho que viria ao Maranhão e ratificou esse posicionamento a Gastão Vieira, no último dia 12 de agosto de 2014.

Gastão Vieira estava ao lado de Lula e Dilma, onde participou do lançamento de um site de divulgação das realizações do governo durante os 12 anos do PT. O site é mantido pelo Instituto Lula e é chamado O Brasil da Mudança.

“Lula já havia confirmado e agora foi a vez da própria presidente Dilma me confirmar que virá ao Maranhão durante a campanha eleitoral. Ela sabe do carinho dos maranhenses para com ela e jamais deixaria de vir aqui agradecer pessoalmente”, afirmou Gastão Vieira, que foi ministro do Turismo da presidente Dilma.

Sendo assim, Lula e Dilma virão mesmo ao Maranhão e irão pedir votos para Lobão Filho e Gastão Vieira. Pois é, pois bem, há muito tempo o Maranhão já esperava pela  presença dos dois petistas, que sejam bem vindos no Estado do Maranhão.

É só aguardar e conferir.

Edmilson Moura.